Páginas

agosto 21, 2009




Prefeitura perde mais uma na justiça por não acatar ordem judicial

A prefeitura realizou, ou tentou realizar, mais uma dispensa de licitação. Dessa vez o beneficiado seria a empresa ECP EVIRON CONSULTORIA. Como há meses atrás, o Prefeito fez uso de tal dispensa fundamentado no disposto do Art. 24 inciso IV da Lei Federal 8.666/93. O contrato é referente ao gerenciamento e operação do complexo de tratamento e disposição dos resíduos sólidos, num valor total é de R$ 1.415.750,97 pelo período de três meses.
Porém o governo encontrou algumas pedras no caminho...

A Justiça acatou os argumentos de uma Ação Popular e outra da procuradoria da Câmara Municipal de Teresópolis contra a dispensa de licitação, realizada pela Prefeitura. O assunto ganhou destaque nos jornais da cidade:

O presidente da Câmara de Vereadores Dr. Habib é o autor da ação que pôs fim a mais uma empreitada polêmica de terceirização de serviços feita pelo governo. Baseada nesse mandado de segurança, a justiça deu sentença favorável também a ação do repórter da TV OBRAC, Rafael Teixeira, o que nos bastidores da política provocou discussões a respeito da "paternidade da criança". No documento que nos foi cedido pelo Dr. Habib, no trecho em destaque, fica claro que a primeira sentença foi dada realmente ao líder da Câmara:

O assunto foi discutido pelos vereadores que fizeram duras críticas ao governo. Até mesmo a base aliada mostrou seu descontentamento. Segundo o líder do governo na Câmara, Dr. Carlão, o Prefeito peca por não consultar a base aliada antes de tomar atitudes precipitadas como essa. O vereador paulinho Carvalho fez as críticas mais duras, acusando o governo de estar tentando roubar os teresopolitanos.

Waguinho, reforçou as críticas, lamentando saber das atitudes do governo apenas pelos jornais. O vereador Claudio Mello se queixou também do tratamento que o governo vem dando aos vereadores da bancada aliada. "Espero que o governo aprenda a dialogar com o poder legislativo. Se está tudo certo, não há porque não dialogar. Não basta ser honesto, é preciso provar que é honesto." - disparou o edil. Confira a discussão do tema na íntegra, no vídeo abaixo:

Fontes ligadas ao governo, extra-oficialmente, apontam o novo procurador da Prefeitura de Teresópolis, Miguel Jorge Zandonaide Jr., como um dos grandes responsáveis por mais essa teantativa de dispensa de licitação. Meses atrás, o antigo Procurador Antônio Geraldo renunciou ao cargo alegando razões pessoais, após uma gafe similar. Agora, além da ferocidade da oposição, o governo lida também com as críticas dos seus aliados que lamentam as últimas ações, tomadas de forma ilegal e precipitada, e sem a consulta dos mesmos.




Um projeto apresentado pelo vereador Marcelo Oliveira prevê que a Prefeitura dê a cada gestante uma muda de árvore. A idéia é que, após o parto, as mesmas colaborem com o reflorestamento da cidade, plantando essas mudas.
O BADARTS vai além e na próxima semana irá propôr uma emenda ao projeto que adiciona ao pacote ecológico, um lápis e um caderno com folhas em branco pra que essas mulheres possam também escrever um livro. Com isso, estaríamos contribuindo para a quebra do tabu machista que diz que todo HOMEM, para uma realização plena, deve plantar uma árvore, escrever um livro e ter um filho.
Êta budega.

ChocoSerra - Festival do Chocolate confirmado em Teresópolis

Teresópolis, 19 de agosto de 2009 – Cinco toneladas de chocolate e cerca de 25 mil visitantes. Estes são os números previstos para o ChocoSerra 2009, que acontecerá de 04 a 07 de setembro, no Centro de Convenções do Hotel Alpina, no bairro do Golfe. Os visitantes poderão conferir os mais variados produtos à base de cacau nos estandes padronizados do evento, que serão ocupados por chocolatarias de Teresópolis. Bombons recheados, trufas, barras, bolos, tortas, mousses, pavês e fondues de chocolate são apenas alguns exemplos das delícias que poderão ser degustadas durante os quatro dias de festa.
“Teresópolis vai se transformar na capital do chocolate, em um evento que movimentará a economia local e o setor turístico do município. Eventos como o ChocoSerra incrementam o desenvolvimento cultural e turístico de uma cidade, gerando novas oportunidades de negócios e renda”, afirmou Michel Al Odeh, secretário de Turismo de Teresópolis. Ainda de acordo com Michel, o objetivo do evento é atrair para o período de baixa temporada um número maior de turistas, aumentando seu tempo de permanência na cidade.

Durante todos os dias do evento, o ChocoSerra contará ainda com uma programação cultural, com apresentações musicais e de dança e oficinas gastronômicas. As crianças terão acesso a uma área tematizada exclusiva e poderão aproveitar uma programação especial, com shows de mágicos e palhaços. O valor da entrada será R$ 2. Estudantes e maiores de 65 anos pagam meia.

Para mais informações, acesse: http://www.chocoserra.com.br/

Um comentário:

Laura T disse...

Asas grandes a deste "Anjo da Guarda", né?