Páginas

fevereiro 24, 2016


TRICANO RENUNCIA NO MP
Nessa quarta 24/02, o prefeito de Teresópolis, Mario Tricano, anunciou no Ministério Público que renunciaria ao cargo de prefeito de Teresópolis. Rumores que seu vice, Sandro Dias, também renunciaria, colocaram o nome do Presidente da Câmara, Maurício Lopes, na reta para a cadeira de Prefeito de Teresópolis. Durante todo o dia, Tricano e seus secretários evitaram a imprensa. À tarde, o MP convocou uma coletiva de imprensa onde esclareceu que nada fez além de cumprir o seu papel na reunião que tinha o intuito de encontrar uma solução pra situação caótica que se encontra a saúde pública em Teresópolis. No mesmo dia, representantes da Feso também se pronunciaram lamentando a atitude tempestiva do alcaide que só afasta ainda mais a solução pro problema. No início da noite, numa reunião com seu vice e secretários, Tricano desistiu de desistir

Operação Cerro em Teresópolis


Pelo menos cinco pessoas foram presas, entre elas o ex-secretário de Meio Ambiente de Teresópolis, Eduardo Niebus, durante uma operação do Núcleo de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro da Polícia Civil (NUCC-LD) e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público contra uma quadrilha suspeita de fraudar contratações para a gestão de Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). O objetivo era favorecer Organizações Sociais (OSs). Foram presos Paulo Sérgio Nunez Lomenha, empresário e um dos lobistas de Teresópolis; Leandro Coutinho da Graça, que já foi subsecretário de Meio Ambiente de Teresópolis; Carlos Alexandre Chaves de Paula Torres, empresário de Teresópolis; Mario Luiz Sobral. Niebus foi preso por volta de 15h40m.
Segundo os investigadores, um grupo formado por empresários e lobistas atuava em conluio com servidores públicos de prefeituras das Regiões Serrana e Sul Fluminense. O núcleo era proveniente de Teresópolis, com supostas ligações com o ex-prefeito Arlei Rosa, cujo mandato foi cassado em outubro do ano passado, justamente por irregularidades e má administração durante sua gestão. Gravações de conversas telefônicas divulgadas mostram o ex-Secretário de Saúde de Sapucaia, Antônio Claret, que atualmente atuava como diretor da CriartTV, Canal 17 da RCA, supostamente cobrando sua parte no esquema.


video


CHARGE
 

Zé linguinha desistiu de desistir...

Nenhum comentário: