Páginas

agosto 19, 2014

DRAMA NA HEMODIÁLISE:
MANIFESTANTES CAUSAM CONGESTIONAMENTO MONSTRO NO CENTRO
Em mais um protesto por um hospital de apoio, os pacientes renais crônicos foram às ruas na tarde dessa terça (19/08) e causaram um congestionamento monstro ao fecharem a Reta ao trânsito de veículos. Segundo informações da PM, a retenção foi das proximidades do Supermercado Regina até o Corte de Pedra da Barra. O destaque do manifesto ficou para a ação policial que não foi nada bem recebida devido a postura inicial da ação da PM que, com ares de arrogância, errou no trato com quem, já fragilizado pela doença, protestava pela vida.
 Recebidos com vaias, os primeiros policiais a chegarem no manifesto causaram um alvoroço que só teve fim com a  chegada e consequente intervenção dos seus superiores que, mais cometidos, souberam contornar a situação. Após cerca de uma hora de interrupção do trânsito, os manifestantes seguiram até a Prefeitura porém as autoridades competentes já não se encontravam por lá. Sem uma solução a contento, eles prometem parar o trânsito na cidade e até na serra se for preciso.
No vídeo abaixo, imagens do protesto:

video

Abaixo, um esclarecimento de um policial sobre a postura do seu colega de farda: 

"Não faço questão de me colocar como tal, mas também sou Policial e tenho uma visão diferente de cada um de vocês olhando essa foto por ter recebido um treinamento na área de segurança pública que me permite ter este foco; o que também não me coloca de forma alguma em posição de prestigio perante a cada um que opinou aqui.

Eu acabei de mandar uma mensagem aoLuciano Zimbrão e ao Roberto Ferreira que são dois profissionais excelentes e fazem um trabalho ímpar na cobertura das notícias em nossa cidade, mas que acredito, pelo calor do momento acabaram vendo uma coisa que não exatamente é o que parece no meu ponto de vista, lembrando que respeito muito a opinião de cada um.

Essa foto para mim e para muitos que como eu tiveram treinamento em "distúrbios e manifestações", é o que podemos chamar de "posição de visada", é uma forma de se ter uma visão mais ampla da área de convergência, que por sua vez é existe para ter uma expectativa de quantidade de pessoas, possivelmente o tamanho da área tomada pelos manifestantes e qual será a melhor forma de se organizar as pessoas permitindo com isso a não obstrução total da via pública, e não sendo isso possível, os desvios necessários para que seja garantido aos que não fazem parte da manifestação o trânsito livre; permitindo também que serviços públicos de emergência tais como Bombeiros e Ambulâncias, não sejam prejudicados por conta desta obstrução.

Quanto ao fuzil, quero enfatizar que é responsabilidade do Policial manter seu material de serviço consigo 100% do tempo, e isso pode ser encontrado no no RDPM, e confesso dá uma dor de cabeça muito grande caso não estivesse com ele, pois é responsabilidade dele, e é dele que o artigo 90, salvo engano, vai cobrar.

Numa visão analítica, posso afirmar que ele apenas está portando o fuzil, mas que o mesmo não encontra-se a "pronto emprego", e que nem mesmo em "posição de guarda" ele está, vejo que ele apenas o segura entre seu corpo, não vejo essa "FEROCIDADE" do Rambo empunhando a arma e direcionando a mesma contra os manifestantes, como seria a "posição Isósceles" ou de "pronto emprego".

Nenhum comentário: