Páginas

julho 02, 2009

A vida imita a arte ou a arte imita a vida?
Essa semana mais uma polêmica tomou de assalto a cidade. Supostos casos de gripe suína estariam acontecendo por aqui e já existia aqueles que juravam de pé junto que pessoas já teriam morrido. Opositores do governo deram força a onda de terror e culparam a Secretaria de Saúde por esconder a "epidemia" da população.
Vamos agora a nota mais recente, divulgada na tarde dessa sexta, 3 de julho, pelo governo:
A Secretaria Municipal de Saúde de Teresópolis, através da Divisão de Vigilância Epidemiológica, esclareceu que, após a realização dos devidos exames nos supostos casos suspeitos, não foi constatado nenhum caso de Influenza A (H1N1) no município.
Nesse final de semana surgiram os primeiros boatos de possíveis casos de gripe suína em Teresópolis, alguns deles no Bairro de São Pedro. Na noite dessa quinta, 2 de julho, a INTERTV veiculou uma matéria dando conta de 3 casos de suspeita de gripe suína em Teresópolis. A Diretora de Integração de Ensino-Assistência do HCTCO, Rosane Rodrigues Costa, informou que os três pacientes com suspeita de infecção estão em isolamento domiciliar, conforme o protocolo de orientação estabelecido pelo Ministério da Saúde. Foi recolhido material de análise e encaminhado à Fiocruz. O resultado foi encaminhado à Secretaria Municipal de Saúde. O secretário de Saúde, Dr. Maurílio Schiavo, contatou a Secretaria de Comunicação que encaminhou a seguinte nota a imprensa:

Esclarecimento – Secretaria de Saúde de Teresópolis

A Secretaria Municipal de Saúde de Teresópolis vem a público esclarecer que, em relação à divulgação de possíveis casos do vírus Influenza A (H1N1), já foram tomadas todas as medidas cabíveis – sanitárias, administrativas, capacitação de pessoal, protocolos de procedimentos e criação de fluxo de atendimentos com os hospitais e demais unidades de saúde. Não há, portanto, motivos para maior alarde.

A Secretaria esclarece ainda que são considerados casos suspeitos aqueles em que os pacientes apresentam doença aguda de início súbito e que tenham retornado, nos últimos sete dias, de países com casos confirmados de infecção, ou ainda, que tenham tido contato próximo nesse mesmo período com alguma pessoa classificada como suspeito ou confirmado de infecção pelo vírus Influenza A.

Em caso de dúvidas, a Secretaria de Saúde orienta que a população entre em contato com a Unidade de Saúde mais próxima de sua residência.

Só por precaução, sugerimos ao Dr. Maurílio que dê uma atenção especial a duas pessoas. Confira no vídeo abaixo:

video

A Cial Construtora é parceira do BADARTS.

http://www.cialconstrutora.com/


Anteprojeto de Lei prevê a reativação do Conselho Municipal de Cultura

Depois de seis meses de trabalho, o Fórum de Cultura de Teresópolis entregou, nesta quarta-feira, 1 de julho, ao Prefeito Jorge Mario Sedlacek, o anteprojeto de lei que reestrutura o Conselho Municipal de Cultura da cidade. A audiência de entrega do anteprojeto aconteceu no Teatro Municipal da Prefeitura e contou também com a presença do Secretário de Cultura, Wanderley Peres, dos Vereadores Cláudio Mello e Waguinho, e do Pró-Reitor do Unifeso - Centro Universitário Serra dos Órgãos, Vicente Madeira.

Leo Bittencourt, coordenador do Fórum de Cultura, fez a abertura da audiência agradecendo a presença de todos e o empenho dos membros do Fórum na elaboração do texto do anteprojeto de lei. “Este texto é fruto de seis meses de exaustivos debates entre os diversos agentes do meio cultural e artístico de nossa cidade, através de inúmeras reuniões realizadas todas as segundas-feiras, na Casa de Cultura”, enfatizou o produtor audiovisual. Leo Bittencourt acrescentou que, com média de 30 participantes por sessão, o movimento tem, até agora, em torno de 200 pessoas cadastradas.

Em seguida, José Nelson Arruda Lima, também coordenador do Fórum, realizou a leitura de justificativa do anteprojeto. O texto destaca a importância da parceria entre o poder público e a sociedade civil organizada para o desenvolvimento da cultura. “Visando usar métodos democráticos e transparentes, propomos a reativação do Conselho de forma paritária. Ou seja, com a participação da sociedade civil, através do Fórum, que fará a indicação de membros para compor o Conselho”, frisou José Nelson, passando o documento às mãos do Prefeito Jorge Mario.

A partir daí, os convidados puderam assistir às colocações do Prefeito Jorge Mario, do Secretário Municipal de Cultura, Wanderley Peres e do Vereador Cláudio Mello. Em seu discurso, Jorge Mario, saudou a todos os presentes e reafirmou o seu compromisso de incentivar os projetos culturais.

“Sonhamos muito com esse momento. Estamos, hoje, dando um passo importante no sentido de levar mais cultura para nossa cidade. Como foi dito em campanha, reafirmo nosso compromisso de levar arte à população excluída por tantos anos”, garantiu Jorge Mario, confirmando que o anteprojeto segue agora para avaliação da Procuradoria Municipal. “A cultura se relaciona com educação, turismo, desenvolvimento econômico. Acredito que essa é a grande mola propulsora de crescimento do nosso município, pois, gera trabalho e renda para Teresópolis”, complementou o Prefeito.

Confira tudo isso, no vídeo abaixo:

video


I Conferência Municipal de Cultura de Teresópolis

Paralelamente à reativação do Conselho Municipal de Cultura, está programada para agosto a I Conferência Municipal de Cultura de Teresópolis. Nesta Conferência será elaborado o Plano Municipal de Cultura, uma das exigências do Ministério da Cultura para que o município receba verba federal para o fomento da cultura na cidade. Neste contexto, não só a reestruturação do Conselho, mas a Conferência se apresenta como prioridade para o governo municipal.

Além disso, para Teresópolis fazer parte do Sistema Nacional de Cultura, o governo municipal deve criar o Fundo Municipal de Fomento à Cultura e assinar o Acordo de Cooperação Federativo.

Realizada a Conferência Municipal, a cidade deve participar da Conferência Estadual de Cultura, programada para acontecer até dezembro deste ano, e da II Conferência Nacional de Cultura, em março de 2010.

A RADIOTEC é parceira do BADARTS.

http://www.radioteceletronica.com.br/

Visite a Casa da Música!

O melhor em instrumentos musicais agora na RADIOTEC!

2643 2462

No dia 13 de dezembro de 2002 a Calçada da Fama foi inaugurada e o projeto do maestro Alessandro Nogueira que foi inspirado na atração de Hollywood, acabou se perdendo graças a má realização da obra, uma das últimas do governo Tricano. "Na faculdade, um professor usou fotos da Calçada como exemplo de obra mal feita" - disparou Rodrigo Garcia, que cursa a faculdade de Arquitetura e Urbanismo na UFRJ. Fernanda Montenegro, Fátima Guedes e Carlos Cola foram, entre outras personalidades, escolhidos para marcar a Calçada de Teresópolis e fizeram isso colocando as mãos diretamente no cimento, numa adaptação escatológica da técnica hollywoodiana. O local que deveria contar com um espaço cultural, hoje serve como via de acesso aos pedestres que já se acostumaram a fazer isso ao som de profecias messiânicas.

O problema da coleta de lixo também é visível no local. Todos os dias, as 18 horas, os comerciantes depositam sacos de lixo pela Calçada. A coleta que deveria acontecer em questão de minutos, quase sempre atrasa, prejudicando ainda mais a imagem do "ponto turístico".

Atualmente, o comércio ambulante tem provocado a ira dos lojistas, além de causar uma má impressão nos turistas que por ali passam.

A identidade do local também foi prejudicada pela construção, nos últimos meses do governo Petto, de um canteiro sobre as marcas das mãos dos famosos, razão maior do nome do local.

A segurança também tem mostrado sinais de fragilidade e um projeto que visa implantar uma cabine policial na Calçada da Fama, já foi aprovado no Legislativo.

Má execução da obra, lixo, insegurança, comércio ambulante e perda da identidade. São vários os sintomas de deterioração turística desse ponto que deveria ser motivo de orgulho para os teresopolitanos.

A Climeq é parceira do BADARTS.

Consultas populares sob a supervisão da Dra. Claudia

Avenida Delfim Moreira 598

Tel.: 2742 1431

Na sessão do dia 30 de junho foi encaminhado a Câmara, pelo Executivo, um projeto de lei sobre as diretrizes orçamentárias que altera, entre outras coisas, os tributos minicipais. è do executivo também o projeto que cria o "Cartão Especial de Estacionamento" que contempla os maiores de 65 anos e os portadores de necessidades especiais. Outro projeto encaminhado pelo Prefeito cria um convênio com a Associação Kairós do Brasil que trabalha na área de recuperação de dependentes químicos. Dr. Carlão lembrou que durante o governo do ex-Prefeito Mário Tricano, apresentou vários projetos de proporcional relevância e que nenhum deles saiu do papel. "Só no governo Petto é que conseguimos o primeiro convênio que foi com o projeto P3" - disse Carlão. O destaque da noite ficou o presidente da casa, o Dr. Habib, que fez valer o regimento, cortando a palavra dos vereadores que fugiram do tema em discussão. Confira no vídeo abaixo:

video

Dr. Habib ainda entregou a chaves do carro do vereador Claudio Mello, único que inda não havia recebido seu veículo. Trata-se de um Gol preto, zero quilômetro, e que pelo que se houve nos bastidores, extra-oficialmente, em breve será o mais humilde dos veículos da Câmara que já estaria negociando a compra de Voyages para o restante dos edis.

Vale destacar que o carro entregue ao Claudio está identificado como bem público, estando adesivado com o brasão de Teresópolis. Resta saber se os outros carros também seguirão o exemplo ou continuarão trafegando no anonimato, sendo usados até mesmo para levar filhos de edis para a escola ou como veículo de passeio.

Faltaram a sessão os vereadores Teixeira e Marcelo Oliveira.

A Câmara agora entra em recesso e a próxima sessão acontecerá no dia 4 de agosto.

Pérola da noite:

Rezistro - Registro

.

A Bebidas Comary é parceira do BADARTS

http://www.comary.com.br/comary/

Nenhum comentário: