Páginas

dezembro 17, 2008


Calma, não se assuste! Não foi dessa vez...

Nessa quarta, 17 de dezembro, aconteceu a audiência pública que daria início ao processo de privatização da CEDAE. O Sindicato dos Trabalhadores da CEDAE esteve presente com direito a um ônibus vindo de Niterói trazendo cerca de 40 sindicalistas para apoiar a categoria.

Apesar da placa do ônibus ser de Saquarema, o motorista nos informou que veio de Niterói com cerca de 40 passageiros, todos sindicalistas.

Logo após seu início, a reunião começou a ser interrompida pela manifestação dos trabalhadores da CEDAE que conseguiram fazer com que a audiência fosse cancelada devido a incapacidade de diálogo e organização.

Não houve representatividade do povo Teresopolitano e nenhuma proposta foi ouvida diante da intransigência da categoria dos trabalhadores da empresa. Pelos bastidores as pessoas comentavam que houve falha da parte da imprensa que não conseguiu mobilizar o Teresopolitano pra que esse participasse da reunião. O local escolhido (Casa de Cultura) também foi motivo de críticas devido ao espaço limitado que fez com que muitas pessoas assistissem tudo do lado de fora. "Quando a conta de água aumentar em 50% eles reclamarão mas na hora de comparecer para participar das negociações ninguém vem." - reclamava indignado um dos presentes. Agora é aguardar para saber o desenrolar de mais uma novela Teresopolitana.

Ouvimos várias pessoas que lá estavam e é isso que você pode conferir no vídeo abaixo:

video

Diante da baixa representatividade do Teresopolitano na audiência, podemos avaliar que a suspensão da mesma foi até positiva. Da próxima vez, com o apoio devido da imprensa, talvez Teresópolis se faça representar pelo seu povo.

BADARTS - A notícia sem camisinha.

2 comentários:

Quem é Alexandre Paim. disse...

Acredito até que a imprensa tenha tido uma parcela sim de culpa, pois uma audiência deste porte, deveria ter sido amplamente divulgada. Mas o que entendi também é que a PMT não queria muito que o povo soubesse o que está a acontecer, tanto que colocou a convocação a apenas 15 dias atrás em letras bem miudas no jornal O DIÁRIO, o local também não foi apropriado.

Anônimo disse...

pode ser que seja um monte de coisas assim. mas será que não é pq as pessoas de bem já estão percebendo os interesses inconfessáveis e imundos que se escondem atrás desse conluio mal disfarçado entre o dono dr. fujão do movimento e as coisas incríveis que já estão ocorrendo? apolítico, apartidário, agnóstico? pode ser...pode ser...mas com muitos interesses subalternos escorrendo do lixão que é o alambique local apesar do belo discurso católico fervoroso e muita bíblia em cd e livros que só idiota lê e aceita pra puxar o saco do Rei da Gonorréia que já foi o rei da cachoeira do parque nacional e suas prostitutas...