Páginas

dezembro 15, 2009

CÂMARA MANTÉM PARECER DO TCE
Numa sessão lotada, vereadores votaram contra as contas do ex-prefeito Roberto Petto
Apenas Dr. Carlão se negou a participar da votação que manteve o parecer do Tribunal de Contas do Estado que julgou desfavorável a aprovação de contas do governo
Petto referente ao ano de 2008. Entre as irregularidades presentes no relatório do TCE, consta um repasse a mais de 700 mil para a Câmara que, no ano eleitoral em questão, tinha como presidente o candidato a Prefeito, José Carlos Faria, que, segundo o que foi dito na noite de ontem, deverá ser um dos próximos a ter que se explicar aos vereadores. "Não é possível que tenham a cara de pau de mesmo tendo um orçamento além de suas necessidades, a Câmara, em ano eleitoral, ainda tenha recebido 700 mil a mais do que é determinado por lei. Vale lembrar que recebemos nossos gabinetes sem computadores ou sequer cabeamento para a internet. Onde foi gasto tanto dinheiro?" - questionou o Vereador Cláudio Mello. Dr. Carlão explicou que não se sentia a vontade para votar pois mesmo os piores bandidos tem direito a defesa e isso não estaria acontecendo no caso em curso. "Essa é uma votação política e não técnica!" - disse ele.

Carlão explicou que a votação em breve será anulada pois, juridicamente, Petto antes precisará apresentar sua defesa. Teixeira criticou a atitude do líder do governo e levantou a suspeita de que Carlão poderia ter feito parte do "esquema" entre a Prefeitura e a Câmara da época. Carlão se defendeu dizendo que não é do tipo que faz parte de esquemas e que em sua gestão como Presidente do Legislativo devolveu cerca de 3 milhões de reais aos cofres públicos. Paulinho Carvalho disse que o Prefeito Jorge Mário deveria estar em casa envergonhado com a postura daquele que escolheu para ser o líder do governo. Terminada a sessão, Carlão nos garantiu que a votação será anulada pela justiça devido a falta de defesa do ex-prefeito, o que deverá ocorrer em fevereiro, após os recesso parlamentar.
Confira nos vídeos abaixo:

Nenhum comentário: